ESTUDO DE CÉLULA – EU VOU CONSTRUIR MEU FUTURO

Tema: EU VOU CONSTRUIR MEU FUTURO

TEXTO: Lc 6:46-49; Hb 3:4

Pergunte aos participantes: Em sua opinião, qual a parte mais importante na construção de uma casa? Porque?

Quem já teve a oportunidade de construir uma casa, ou algum tipo de edificação, deve ter observado quão grande é o investimento que se faz para construir os alicerces. Primeiro cava-se bem fundo e depois se lança os alicerces, esse processo pode demorar muito tempo dependendo do tamanho da construção e da quantidade de pessoas trabalhando na obra. Depois que os alicerces estão bem firmados, as paredes rapidamente se levantam, e a casa vai tomando forma. Interessante que o próprio Jesus usou o exemplo de uma construção para nos levar a entender como é importante estarmos com nossas bases bem firmadas, para que nossa casa, nossa vida, seja uma construção de êxito.

É importante ressaltar que Deus concedeu aos homens a liberdade para cada um fazer a sua própria construção. E se estivermos construindo nossa vida sob o fundamento correto, seremos edificados pelas mãos do Eterno e teremos uma casa firme, que não se abala mesmo diante dos mais terríveis temporais. Um novo ano se aproxima e é tempo de propormos em nosso coração quais serão as nossas escolhas para 2018. Vamos falar de 3 áreas importantes que podemos construir de uma forma ainda melhor no próximo ano.

1- Eu vou construir em minha vida espiritual (Lc 6:46-49)

Pergunte: Compartilhe o que você deseja construir em 2018 em prol do seu crescimento espiritual?

Nenhuma construção é sólida se não tiver os alicerces muito bem feitos. Se nosso relacionamento com Deus não for profundo, se os princípios da Palavra não estiverem muito bem firmados em nossa mente, em nosso coração, nossa construção pode ser comprometida com qualquer chuva mais forte que surgir. Somente ter um amplo conhecimento das Escrituras não é o suficiente para termos uma construção de êxito. Jesus deixou claro que aquele que ouve as Suas Palavras e pratica é que será comparado ao homem que edificou sua casa sobre a Rocha. Sempre surgirão situações para testar nossa fé, pequenas ou grandes, pode ser um problema de relacionamento com uma pessoa, ou uma enfermidade em nossa família, em todas situações seremos provados, se temos um mal comportamento, se ficamos desanimados e desistidos diante das provações, precisamos rever como está o nosso alicerce. (Ef 2:20) Jesus é a pedra angular, a Sua Palavra é o nosso fundamento. O êxito em nossa vida espiritual é mais simples do que imaginamos. Mas exige disposição de nossa parte.

2- Eu vou construir em minha família (Dt 11:18-20)

Pergunte: O que você deseja construir em 2018 em prol de sua família?

O que podemos fazer para termos mais êxito em nossa casa? O que podemos semear em nossa família que vai abençoá-la ainda mais? Possivelmente você já tem feito boas construções em sua família. Possivelmente você é um intercessor de sua família, tem vigiado para proferir apenas palavras de bênçãos sobre sua casa, tem levado sua família para a célula e para os cultos. Mas, o que mais podemos construir em prol de nossa família? Que tal nesse ano de 2018, colocar como prioridade reunir pelo menos uma vez por semana com sua família para orarem e estudarem juntos a Palavra de Deus? Apenas 1 hora juntos, compartilhando a Palavra, fazendo perguntas, tirando dúvidas, pode fazer uma grande diferença na sua casa. Precisamos investir tempo para ensinar a Palavra em nosso lar. Ao invés de esperar sempre que o outro tome atitude, faça você a diferença, prepare a mesa com um lanche gostoso, façam uma ceia juntos, separe um texto bíblico, leiam e discutam sobre o assunto juntos, liberem palavras abençoadoras um sobre o outro. Decida fazer construções em sua família que vão edificá-la ainda mais sobre a rocha, isso é praticar a Palavra de Deus.

3- Eu vou construir em prol do Reino de Deus ( Mt 6:33; I Pe 2:9)

Pergunte aos participantes: O que você deseja construir em 2018 em prol do Reino de Deus?

Ter a visão e a revelação do Reino de Deus em nossa vida nos leva a tirar o foco das nossas necessidades pessoais e a colocar as necessidades do Reino em primeiro lugar. Não é que não tenhamos que buscar, correr atrás para conquistar nossos objetivos pessoais, temos que fazê-lo sim, mas estes não podem nos consumir de tal forma que venhamos a negligenciar as boas obras que Deus espera que nós realizemos como Seus filhos. A preocupação excessiva com as necessidades materiais rouba não somente nosso tempo, mas também o nosso coração, tira o nosso prazer em realizar obras que glorifiquem o nosso Pai celestial. A nossa vida nesta terra é passageira, somos cidadãos do céu, e temos a responsabilidade de representar bem o nosso Pai enquanto estivermos nesta terra, pois somos a geração eleita, sacerdócio real para cumprirmos um propósito divino nesta terra. Tudo que fizermos para agradar o nosso Pai celestial não passará despercebido diante Dele e provocará uma reação do céu a nosso favor!

Que neste ano de 2018 possamos estar com nosso fundamento mais firme do que nunca, aprofundados no nosso relacionamento com o Pai, e fazendo construções que nos levarão a colher êxito em todas as áreas de nossa vida!

Que 2018 seja um ano de crescimento extravagante em sua vida espiritual, familiar, ministerial e profissional! Vamos avançar, crescer e multiplicar!

Abraços carinhosos, Seus pastores Alexandre e Fabiane Bastos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *